quarta-feira, 2 de setembro de 2015

RESENHA: Sereia de Vidro - Marcelo Antinori

Sereia de vidro
TÍTULO: SEREIA DE VIDRO vol. 1
AUTOR: MARCELO ANTINORI
EDITORA: 
EDITORA BÚSSOLA
PÁGINAS: 72


SINOPSE: 
Um escritor frustrado sofrendo de bloqueio criativo resolve, por indicação de alguns amigos, fazer uma leitura de Tarô num convento em São Paulo. As cartas, mais do que meros símbolos, passam a indicar caminhos e personagens que ele até então desconhece.
Movido por uma curiosidade insaciável, e genro de um poderoso empresário paulista, ele embrenha-se num universo novo e desconhecido, tendo o centro de São Paulo e seus locais pitorescos como pano de fundo.
Através de um texto ágil e preciso, ele logo vê-se envolvido numa teia de acontecimentos inusitados na companhia de uma mulher linda e misteriosa que o leva ao crime organizado, a corrupção e as mais altas esferas do poder. Sereia de Vidro é o primeiro volume da Coleção Sereia de Vidro, escrito com maestria por Marcelo Antinori. Sereia de Vidro é o título escolhido para lançar os novos selos da editora Bússola nos formatos impresso e digital.



Pequenos livros, grandes histórias!
Isso define esse pequeno livro de Marcelo Antinori, Sereia de Vidro, primeiro livro de uma coleção do mesmo nome, publicado pela editora parceira Bússola. Para quem não conhecia, assim como eu, saiba que ele já está disponível em algumas lojas online, como a Amazon. Mas vou deixar para vocês isso. Vamos ao que interessa.

Sereia de Vidro narra, em palavras sucintas com um toque de mistério, a história de um escritor que está passando por um momento difícil: tudo que ele escreve simplesmente não está a seu gosto. Frustado com todas as suas tentativas de escrita, o livro começa com nosso narrador indo ao encontro de uma freira que lê cartas. E, é claro, nossa história começa a se desenrolar desse ponto da história, quando cada carta é virada e os questionamentos começam a atormentar a cabeça do protagonista.

É depois desse encontro, que tudo realmente vai começar a acontecer. Uma troca de olhares em um trem o leva para os braços de uma mulher misteriosa, que começa a ser a sua fonte de dúvidas. Mesmo traindo sua mulher, ele parece estar tranquilo ao lado da moça, até o momento em que descobre que a mesma lhe deu um número errado, ao invés do seu, ao fim de seu "encontro".

Depois de um tempo sem vê-lo, o protagonista recebe uma misteriosa ligação de Ana, a moça. Ela diz precisar de ajuda e ele logo faz com que ela fique segura, levando-a para ficar um tempo com a freira das cartas. É quando ele se vê no meio de um grande conflito. Na verdade, dois: o conflito com sigo mesmo, perguntando-se se o que viu naquelas cartas fosse realmente algo real e o conflito exterior, entre Ana e um misterioso "vilão" que quer matá-la.

A partir desse ponto, muitas coisas começam a acontecer. E eu, realmente, não ire falar disso, seria injusto com você. Quem gosta de spoilers? (existem loucos que gostam, vai saber). O protagonista, então, precisa tomar uma decisão. Irá deixar a moça misteriosa com seus problemas ou irá ajudá-la. Acho que você já sabe por qual caminho ele segue. E ele tem certeza do que vai fazer quando encontra uma profunda ligação com alguém conhecido nesse intrincado mistério envolvendo a garota, bandidos, tráfico, política e grandes empresas. 

A escrita de Marcelo, como disse antes, é sucinta e bastante clara, capaz de nos fazer seguir rapidamente entre as 72 páginas. Como se fosse um conto - com uma continuação chegando - a história, até um certo ponto, nos faz pensar se a história irá seguir para o clichê, mas enfim percebemos que ele passa reto desse ponto, seguindo para algumas reviravoltas, passando por personagens interessantes (como o velho Diabo homem/mulher, que, na minha opinião, é um dos mais interessantes), estatuetas de sereias de vidro, que deve ser foco nos próximos livros, BDSM (sim, BDSM *--*), homossexualidade e o que uma história de suspense precisa: emoção.

É com isso que nossa história acaba nesse primeiro livro, com a conclusão de um problema, mas que deve ser sucedido de outros trocentos. Resta saber se essa história ainda vai ser foco nos próximos livros, o que eu realmente desejo que seja, ou se iremos seguir para o outro lado. Mas sem problemas, se seguir o mesmo exemplo desse primeiro volume, vai ser igualmente interessante, misterioso e, claro, bem contado.

Me deu vontade de ler outros livros do autor, quem sabe eu não acho em alguma loja online. Por que Marcelo consegue escrever de uma forma excepcional.

Para quem ficou interessado, procure na Amazon ou entra loja virtual pelo livro. Não sei se está sendo vendido em e-book ou físico, mas não custa nada dar uma passadinha por lá. Aliás, o preço está bem em conta em relação ao livro, você, com certeza, não irá se arrepender de comprar.

Até o próximo post :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário