sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Resenha Tripla: A Ordem Perdida (Gabriel Schmidt), O Livro de Almas (Igor Quadros) e O Mago de Camelot (Marcelo Hipólito)

Olá, quanto tempo não? É, faz bastante tempo.

Então, após muita vagabundagem da minha parte, eu decide, finalmente!, fazer três resenhas (!!!) que eu estava devendo. Vê se pode!

Trata-se dos livros A Ordem Perdida, do autor parceiro Gabriel Schmidt, O Livro de Almas, do também autor parceiro Igor Quadros e O Mago de Camelot do autor parceiro Marcelo Hipólito.

Vamos começar?


A Ordem Perdida

TITULO: A ORDEM PERDIDA
AUTOR: GABRIEL SCHMIDT
PÁGINAS: 168
EDITORA: NOVO SÉCULO

SINOPSE:
A Liga dos Yethis traz consigo o espírito de seis jovens guerreiros que precisam encontrar a Ordem. Um pequeno artefato que não demonstra o quanto a existência da humanidade depende dele. Ável com seus amigos terá de enfrentar inúmeros inimigos, diversas dimensões e poderes; além da fúria dos deuses adormecidos. Acompanhe a corajosa trajetória desse grupo que promete não desistir de sua busca.

OPINIÃO: O livro é narrado por vários personagens, entre eles Ável, Tétrada, Angie e Driátolun. Eles são filhos de deuses (isso me fez lembrar de Percy Jackson) e com os treze anos são levados para o castelo da Liga dos Yethis, lá eles descobrem quem são seus pais e começam a aprender a dominar seus poderes. 

Em um determinado momento do livro, Ável é designado para uma missão após ter quebrado uma arma. Ele e seus irmãos vão atrás de um rei, se não me engano, que os ajudará a recuperar a Ordem, que havia sido roubada.

O livro tem uma leitura leve e super fácil, você o consegue ler em um dia, dependendo do caso. 

Ele acabou deixando um gancho para o próximo livro, o que esta bem claro que vai acontecer.

Infelizmente ele não me conquistou e eu dei apenas quatro estrelinhas!



O livro de almas

TITULO: O LIVRO DE ALMAS - OS DOIS HERDEIROS
AUTOR: IGOR QUADROS
PÁGINAS: 248 
EDITORA: NOVO SÉCULO

SINOPSE:
Por quase toda a sua vida, Jox viveu em um hospital psiquiátrico, com problemas que ninguém nunca conseguiu diagnosticar com clareza. Tudo muda quando ele retorna para a casa dos seus pais e tenta se readaptar ao mundo. No entanto, o que ele achava ser a chave para a compreensão de seu passado parece ser o princípio de um abismo ainda mais profundo. Enquanto isso, três pessoas com dons paranormais são obrigadas a enfrentar os seus maiores medos, voltando à realidade que sempre tentaram esconder: o juramento de uma antiga aliança, que os poderia levar à morte. Por trás da vida de todas essas pessoas existe uma conexão, um enigma que os une pela amizade e pelo terror.

OPINIÃO: O livro vai narrar a história de Jox, um garoto que passou a maior parte de sua vida em um hospital psiquiátrico, com problemas que nem mesmo os médicos conseguiam diagnosticar.

Após ver uma aparição na janela de seu quarto, se não me engano, e dizer para o médico que ele esta bem o suficiente para ir para casa, ele é levado por seus pais para a mesma. 

Já instalado em sua casa, ele começa a trabalhar em uma das lanchonetes de seu pai. Em um certo dia, enquanto trabalhava, ele conhece uma garota (me desculpe autor, me esqueci o nome da garota) e acaba rumando briga com o namorado da garota. 

Desafiado por algumas crianças, ele vai parar em um concurso, onde terá que lutar contra o namorado da garota (eu acho que ele não era namorado, apenas gostava dela) e disputar em uma prova de inteligência contra uma sabe tudo mundial. 

Não vou dizer o que acontece, certamente, mas em um determinado momento, ele é levado para uma cidade, onde conhece algumas pessoas, entre elas um professor que consegue fazer escudos com a luz.

Uma guerra começa naquela cidade e ele e seus novos amigos da cidade desconhecida, todos adultos, tem que ir para um portão e se salvarem, porém o enigma para abri-lo é complicado. E quando finalmente conseguem abri-lo, eles tem que deixar um para trás, o que causa uma grande tristeza.

Resumindo, o livro é perfeito! Gostei bastante da narrativa do Igor, ele é um grande autor. Recebeu cinco estrelinhas no skoob!



O Mago de Camelot

TITULO: O MAGO DE CAMELOT - A SAGA DE MERLIN PARA COROAR UM DRAGÃO
AUTOR: MARCELO HIPÓLITO
PÁGINAS: 151
EDITORA: NOVO SÉCULO

SINOPSE:
De uma infância pobre e sofrida à irresistível ascensão aos salões dos grandes reis; de um começo sem esperanças ao despertar de um poder inigualável e temido, Merlin vem a se tornar o homem mais influente da Idade das Trevas. Confidente supremo do rei Artur e maior conselheiro da corte de Camelot. Misterioso e enigmático. Amado e odiado. Druida, monge e mago. Na Britânia do Século V da Era Cristã – abandonada pela queda do Império Romano à barbárie dos invasores saxões –, Merlin surge para impor um novo tipo de rei a um povo abatido e desesperado, alterando, para sempre, não apenas o destino dos britânicos, mas de toda a humanidade. A saga de um homem determinado a erigir uma civilização de paz e justiça numa terra devastada pelo caos e pela guerra irrompe em uma aventura épica e brutal que equilibra realismo duro com doses amargas de magia. "O druida, então, abriu um sorriso malévolo aos soldados saxões. Hengist gritava às suas tropas para se manterem firmes, mas sua vanguarda ruía à medida que um resoluto Merlin avançava, a passos largos, na sua direção. A defesa saxônica se fragmentava perante o pavor supersticioso imposto pela figura aterrorizante do druida. Face à derrota iminente, Hengist se desesperou, girando seu machado e galopando para Merlin. O druida estancou diante do ataque rápido e brutal do rei saxão. Sem tempo para conjurar um feitiço protetor, Merlin percebeu, tardiamente, a estupidez de seu erro. Em sua soberba e imaturidade, ambicionara vencer sozinho a batalha. Agora, contudo, sua queda restauraria o ânimo dos saxões, desgraçando o contingente britânico. Merlin experimentou o fragor das narinas do cavalo e o tremor do solo sob seus cascos potentes. O machado de Hengist se projetou para lhe separar a cabeça dos ombros". 

OPINIÃO: O livro vai começar contando sobre dois irmãos, um deles é Merlin. Sua mãe, que é uma prostituta, não liga para eles. O que os força a roubar. 

Um druída acaba rapitando os dois e matando o irmão de Merlin, mas algo faz com que ele não mate o garoto. Assim ele passa a treina-lo em magia.

O livro é cheio de emoção, guerras, traições, sangue e magia. O livro foi muito bem escrito. O final é bem legal, falando sobre algo que é contado logo no prólogo do livro.

Eu recomendo bastante para as pessoas que gostam desse tipo de livro. Recebeu cinco estrelinhas.


Bem, isso é tudo. Espero que tenham gostado e até mais!

2 comentários:

  1. O mago de Camelot foi o que mais me chamou atenção *o*
    Adorei resenha tripla haha...
    Continue assim, suas resenhas são ótimasss, bjimmm!

    sonholiterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Mago de Camelot é muito bom, o autor consegue de envolver com a história. É surpreendente.

      Vai ter mais resenhas triplas esse ano.
      Abraços!

      Excluir